• Adilson Neves

Turma da Arvore fecha parceria para projetos sustentáveis e ecologicamente corretos na África


O consul de Moçambique, Prof. Adilson Neves, e a diretoria da Turma da Arvore.

Promover o bem-estar das pessoas e compensar os prejuízos ao meio ambiente através de projetos sustentáveis e inovadores é o mote da parceria que está sendo estabelecida entre a Turma da Árvore, a Shekinah e o Consulado da Republica de Moçambique para o desenvolvimento de projetos na África, a partir de 2020.

A Turma da Árvore é formada por um grupo de empresários brasileiros especializados e com maturidade de mercado, focados em entregas de qualidade e inovação, em diversas áreas, notadamente no contexto dos 17 objetivos sustentáveis da ONU - Organização das Nações Unidas, abrangendo moradia, tratamento de lixo, hortas comunitárias, plantio de árvores, moeda comunitária, credito de carbono, sustentabilidade em aldeias indígenas, veiculo solar, dentre outros.

O primeiro encontro de trabalho aconteceu em Blumenau (SC) com a participação dos diretores da Turma da Arvore: Alessander Comandolli, Comandolli Jr. e Luiz Alves; e o professor Adilson Neves, consultor da Multipla Group e Consul da Republica de Moçambique; visando estabelecer os parâmetros da parceria estratégica e os próximos passsos que incluem uma visita ao Embaixador de Moçambique no Brasil, Gamiliel Munguambe, visando obter alinhamento sobre as provincias que devem ser priorizadas; e visita de trabalho a ao país da África Austral para encontros técnicos com o Governo e com a classe empresarial.


Reunião de trabalho: Turma da Árvore e Consulado de Moçambique

O projeto poderá ser estendido a outros países africanos, de acordo com novos contatos que poderão ser feitos a partir do projeto piloto que será executado em 2020.

"Ainda em fase de estudos, a partir do Brasil, a parceria firmada com o Consulado da Republica de Mocambique, vai permitir um avanço considerável para a Africa, em razão da expertise de trabalho do grupo que realiza ações nao apenas no Brasil, mas também nos Estados Unidos e Europa, sendo o mais relevante trabalho o do plantio de árvores em Mariana, nas Minas Gerais, na região que passou pelo acidente que gerou transtornos ecológicos, gerando a necessidade de especialistas para o plantio de arvores. Temos convicção de que o projeto, ainda embrionário, pode gerar muitos benefícios nao apenas a Mocambique, mas a outros países da África", ressaltou o Professor Adilson Neves, cônsul.


0 visualização

© 2016 by Multipla Consulting & Training

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

Curitiba - PR - Brazil